BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

sábado, 27 de novembro de 2010

Histórias de um sábado!

Sabe aquela vontade de sair correndo, de ir embora, vontade de fazer tudo o que dá vontade. Quando começa eu quero atenção, quero tá sempre do lado. Nunca imaginei que fosse tão bom conversar contigo, ou melhor, eu nunca imaginei que um dia ia conversar contigo; e mais nunca imaginei que a gente se daria bem e que a gente seria tão parecido.
Eu queria outra vez sentar na tua cama e ficar conversando sobre um monte de coisa, tu perguntando sobre mim e falando sobre você. Engraçado que a conversa tava tão boa , que eu nem percebia que o tempo tava passando. Tu é bem diferente do que eu esperava; engraçado, e como tu mesmo se define; super sincero, sincero até demais. "Eu só pergunto o que eu quero saber, e falo o que eu penso, quando perguntam."
A gente fala de tudo, queria ter conversado contigo hoje, tava precisando desabafar com alguém, contar meus problemas, ou pelo menos olhar pra ti e rir. Jogar um caderno em ti, quando tu me deixa sem graça com as tuas perguntas. "Acho que a gente não vai se dar bem" Mesmo signo; meu Deus. Os dois não gostam de ser contrariados, os dois gostam de chamar a atenção, os dois gostam de dar a palavra final; a verdade é que é muito mais que isso.
É me sentir pequena perto dele, em vários sentidos. É me ver nele. É saber que nós dois damos uma aparência errada pra quem olha pra gente. Teu santo não batia com o meu, hoje eu acho que eles se dão bem. A gente é assim, calado quando quer e tu fica me olhando: "A gente vai ter uma relação aberta". A tua intimidade me assustou um pouco. Fiquei te olhando com um pouco de medo, inocência até.
Mas aí a gente riu de novo. Foi se entendendo; "eu acho que a gente vai se dar bem". Também acho, foi só uma conversa, mas foi talvez uma das melhores. Foi me olhar e ter dúvidas comigo, saber o que eu penso, sinto. Tu é uma incognita, mas se deixou aberto pras perguntas. Também percebi que tu tem lá tuas dúvidas.
Mas eu não sei o que eu e essa conversa representou pra ti. Tu vai embora, mas o que a gente falou naquele sábado, vai ficar guardado pra quando eu crescer, vai servir como conselho. Eu quero sim outra vez sentar do teu lado e falar de mim, de ti, da gente. Quero saber os teus pensamentos, o que tu senti; "se perguntar; ficou? Fiquei. Foi bom? Mais ou menos. Brincadeira."
É assim, um garoto meio doido que eu conheci, que eu me arrependo de não ter conversado com ele antes. Mas os santos não batiam.
(Texto escrito em: 22/11/2010)

DIÁLOGO:
Enquanto pega a toalha ele começa a rir
Ela: O que foi??
Ele: Nada não.
Ela: Fala o que foi
Ele: Não, é que tu era a última pessoa que eu imaginava que um dia ia estar na minha casa.
Ela: Verdade; quem diria.


# Vida anda dificil; as cabeças estão rolando, final do ano letivo. Alessandra ficou reprovada em solos e parece que vai sair do Instituto; dor muito grande. Dia 17/12 os terceirão terminam o ano letivo e vão pra casa; dor muito grande². Ano que vem vai ser tão diferente, as coisas vão ser estranhas.

P.S. Ouçam: Amor maior (Jota Quest)

Boa tarde e beijos ;*

5 comentários:

''Tay' disse...

As vezes quando mais precisamos desabafar, parece que as pessoas somem D:
Final de ano é sempre muito triste =/

bjus =*

Tania T. disse...

Aconteceu bem parecido comigo, sabia?
Um garoto que eu não dava nada por ele, nem tinha interesse de ser sua amiga.. pra mim ele era apenas mais um garoto.. ele lá e eu aki.

Bom.. pois conversamos e tudo isso mudou?

A vida é assim...

Bjão =*

''Tay' disse...

Tem selinho pra voce no meu blog.

bjus =*

Luciana disse...

às vezes isso acontece. Tem pessoas que você nem sabe que seria tão legal e que vocês se parecem tanto.
Adorei o texto. ^^
Ps. :Se quiser passa no meu blog, é, fiz outro blog. ^^
Ps²: Acho que nem deve se lembrar de mim, mas eu escrevia no Sonhando e Viajando, e resolvi voltar a escrever, comecei com ele hoje. ^^
;**

Franciellen :) disse...

Mas você não tem que se arrepender de não ter conversado com ele antes. Tudo que acontece, tem sempre uma razão e um momento certo.
Apesar de que eu sei como esse tipo de conversa faz falta. Lindo <3