BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Loyse .


Esse é o nome dela; minha melhor amiga de infância. Foi pra ela que eu contei as minhas paixonites de criança, foi com ela que eu ri, que eu cai, que eu briguei. Lembro que de manhã cedo bastava eu abri a porta de casa pra ela tá lá, me esperando pra gente brincar. Lembro que eu preferia ela que a minha irmã. Ela era doida, engraçada, não tinha vergonha de ser ela; andar com ela era pagar mico na certa.
Se a gente ia pra sorveteria, o sorvete que ela pedia era de; acaí. A boca da menina ficava preta. Ela era irreverente. Nunca esqueci da queda que ela levou, até batizamos a rua: O vento levou. A gente era inseparavél, brigavamos sim, iamos pra porrada, alguém sempre saia com raiva. Mas no outro dia, tudo voltava ao normal; coisas de criança. Lembro que eu que ensinei ela a ler.
Foram tantos momentos. Quando eu viajava morria de saudades dela. Uma vez viajei pra Castanhal e levei um cartão telefônico pra ligar pra ela no dia do aniversário dela. A gente era amiga de verdade, de confiar, de falar besteira, de se preocupar. A gente andava de bicicleta toda a noite.
Meu Deus, quanto tempo se passou. A gente se afastou, vieram outras pessoas. Eu comecei a estudar de manhã, ela a tarde e a noite ela ia pra casa da Neylane. A gente já quase não se falava. Depois ela foi embora. Lembro como se fosse hoje quando o Renato perdeu as eleições e ela chegou na farmácia chorando, Liliane e eu começamos a chorar também. Amigas, amigas de verdade, quase irmãs. A gente se conhecia tanto.
Mas acabou. Dói dizer; mais eu queria que ela fosse embora. A gente não era as mesmas pessoas, haviamos crescido. Ela se foi e eu nem percebi. Não prometemos manter contato - não havia mais contato- tarde demais percebi que tinha perdido ela, sem nem ao menos dizer um te amo. Me arrependi. Já chorei muito, de soluçar. Dói ver alguém importante indo embora. E o pior; sem despedidas, sem lágrimas, de resto apenas a magóa, triste dizer isso, mas ódio mesmo.
Se eu tivesse coragem: "dizer que não amo mais, mas já amei muito ela e que ela teve uma importância enorme na minha vida, obrigada por cada momento -segurando as lágrimas- que cada momento foi único, ela é única. Minha única amiga de infância. Fiel. Hoje NADA, mas antes meu mundo. Eu te amei"


# Decidi que uma vez por mês vou falar de alguém que fez ou faz parte da minha vida, que me ajudou a construir meu caráter. E a primeira tinha que ser ela, minha ex-grande amiga de infância.


# Hoje é meu aniversário. Meia noite mensagem do Iago que mesmo longe lembra de mim. Saudades marido. Cheguei no colégio. Mateus brincou comigo dizendo que ia tacar ovo em mim, Pâm me abraçou e me desejou tudo de bom, depois Raul, Lucas, Tio, Josi. Alessandra, Pedro me deu um abraço bem forte. Mais um Lucas -que eu chamo de Pedro- , a Raquel. Depois o outro Lucas. Sem contar os parabéns de outras pessoas. Alessandra disse que segunda tem uma surpresa pra mim. Meu pais me ligaram também claro. E o meu presente é; ir pro samBelém, ver o jeito moleque. Não consegui segurar as lágrimas, e a Pâm e a Alessandra viram eu quase chorando. É um sonho quase realizado! *-*

E é como eu falo; "Quem realmente importa lembrou!"


P. S. Ouçam: Dias iguais (Sandy e Nerina Pallot)


P.S². Chorei tanto ontem ouvindo a música 'Pai'. Besteiras.


Boa noite e muitos beijos ;*

4 comentários:

Tania T. disse...

Acho que todas nós temos amigas assim que marcam nossas vidas... Tenho muitas amigas que fizeram parte do meu passado, amigas do peito, inseparáveis e hoje restam só lembranças... as pessoas mudam, essa é a verdade.

Feliz aniversário atrasado!! Desejo tuuuudo de bom pra ti!!!

bjoO

› renata disse...

Feliz aniversário *-* parabéns pelo presente haha, se você gosta, concerteza vai ser um ótimo show (:

Também me afastei totalmente das minhas amigas, e elas se tornaram inimigas mortais, a ponto de se matar no meio da rua.
Espero que a sua amizade (ex) não se torne igual a algumas das minhas :/

Beijos ;*

Stéphanie Lopes disse...

aceita meus parabens super atrasado ?
tudo de booom amore, que Deus te ilumine sempre sempre.

Beijos

Carolina Hermanas disse...

Eu tive uma amiga assim, e choro até hoje quando lembro dos nossos momentos juntas :/
Dói demais.É como um buraco enorme no coração
-

Gostei do teu blog, palavras sinceras ♥


beeeeijão!